Bibliotecas digitais a seu dispor – acesso gratuito – Texto retirado do Blog do Galeno

Quer consultar um livro ou documento sem precisar ir a uma biblioteca? Veja as principais bibliotecas digitais e tenha acesso gratuito.

Para pessoas que desejam fazer trabalhos acadêmicos com fontes seguras, o melhor lugar para encontrar essas informações é nas bibliotecas. Porém, nem sempre ir a uma biblioteca é uma tarefa simples. Por isso, confira uma lista com as principais bibliotecas digitais e consulte gratuitamente seu acervo sem sair de casa:

1 – Domínio Público

Quer ler Machado de Assis, ou conhecer mais sobre as obras do romantismo? O site oficial do Domínio Público do governo conta com milhares de obras, vídeos, textos e sons totalmente gratuitos para download. Todas as obras já estão no domínio público, ou seja, você só encontrará criações de pessoas que morreram há 70 anos.

2 – Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin

O site da biblioteca da Universidade de São Paulo (USP) contem livros, revistas, documentos, e outros tipos de arquivos livres para o download gratuito.

3 – Biblioteca Digital Paulo Freire

Voltada principalmente para a área de filosofia e pedagogia, a Biblioteca Digital Paulo Freire disponibiliza para download gratuito das obras do pedagogo e filósofo Paulo Freire.

4 – Biblioteca Nacional Digital Brasil

Com mais de 700 mil arquivos, a Biblioteca Nacional Digital Brasil conta artigos, trabalhos acadêmicos, livros, obras de arte, gravuras, fotografias e outros documentos para download grátis.

5 – Biblioteca Mundial Digital

Com objetivo de reunir documentos oficiais sobre a cultura de diversos países do mundo, a Biblioteca Mundial Digital disponibiliza gratuitamente fotos e arquivos para consulta.

6 – Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD) – clique aqui

Coordenada pelo Ibict, a Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD) reúne centenas de teses e dissertações de universidades de todo o País. É uma ferramenta útil para quem está fazendo a sua monografia e precisa de fontes acadêmicas.

7 – Biblioteca Digital do Supremo Tribunal Federal

Para os estudantes e profissional da área de Direito, a Biblioteca Digital do Supremo Tribunal Federal é uma ótima fonte de pesquisa para documentos, livros, artigos e outros arquivos de interesse para a área.

8 – Biblioteca Digital da Unicamp

A Biblioteca Digital da Unicamp conta em seu acervo com dissertações, teses, pesquisas em andamento, revistas eletrônicas, etc., todos feitos pelos professores, pesquisadores e alunos da instituição.

9 – Biblioteca Digital da UNESP

Com um grande acervo de obras de artes, gravuras e desenhos, além de trabalhos acadêmicos, aBiblioteca Digital da UNESP contem os arquivos necessários para estudantes que precisam consultar fontes seguras.

10 – Biblioteca Digital do Museu Nacional

O site da Biblioteca do Museu Nacional tem como objetivo disponibilizar o acervo de obras raras nas áreas de ciências naturais e antropologia.

11 – Biblioteca Digital da Escola de Música da UFRJ

Para estudiosos ou interessados na área de música, a Biblioteca Digital da Escola de Música da UFRJ é uma ótima opção para consultar documentos da área. O acervo conta com obras raras dos séculos XVI a XVIII, além de partituras, manuscritos e periódicos para download gratuito.

12 – Biblioteca Digital e Sonora

Com acesso gratuito, mas exclusivo para pessoas com deficiência visual, aBiblioteca Digital e Sonorareúne diversos materiais no formato digital para facilitar o acesso dessas pessoas aos conteúdos.

13 – Project Gutenberg

O Project Gutenberg reúne livros e documentos que estejam no domínio público de todo o mundo. Lá, é possível encontrar as obras originais de grandes nomes da literatura mundial.

Mais detalhes e links, clique aqui.

CBL divulga os 10 finalistas de 27 categorias do Jabuti 2015-Texto retirado do Blog do Galeno

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) divulgou na noite desta quinta-feira (22) os finalistas da primeira fase do 57º Prêmio Jabuti. Ao todo, foram revelados 10 livros finalistas em cada uma das 27 categorias do prêmio.

Marisa Lajolo, curadora do prêmio, os classificados representam um panorama do mercado editorial brasileiro. “A grande novidade do de 2015, a categoria Infantil Digital, foi extremamente concorrida e os títulos selecionados retratam o avanço tecnológico que permeia o universo literário, principalmente entre crianças e jovens”, afirmou.

Na categoria citada por Marisa, Infantil Digital, foram indicados os autores Anna Claudia Ramos, Roberta Asse, Cláudio Martins, Flavio de Souza, Ziraldo, Ricardo Azevedo, Flávia Muniz, Cecília Cavalieri França, Samira Almeida, Fernando Tangi, Jonas Worcman de Matos e José Santos.

Na categoria Biografia, foram indicados autores como o senador José Serra, com “Cinquenta Anos Esta Noite”; Lira Neto, com “Getúlio – da Volta pela Consagração Popular ao Suicídio (1945-1954)”, Daniel Aarão Reis com “Luís Carlos Prestes – Um Revolucionário Entre Dois Mundos” e Cacá Diegues com “Vida de Cinema”.

Neste ano, o Prêmio Jabuti, considerado o mais importante do mercado editorial brasileiro, recebeu 2.573 inscrições. A apuração da segunda fase, que será no dia 19/11, avaliará e atribuirá notas a todas as obras finalistas na primeira fase. Os três livros que receberem a maior pontuação dos jurados serão considerados vencedores em sua categoria, em primeiro, segundo e terceiro lugares. A cerimônia de entrega dos prêmios será realizada em 3 de dezembro de 2015, no Auditório Ibirapuera, em São Paulo.

Veja a lista completa com todos os indicados está publicada no site oficial do Prêmio Jabuti neste link.