+ Fernando Morais

ImagemNascido em Mariana-MG em 1946, Fernando Morais começou sua carreira como jornalista em 1961. Além de jornalista, também foi deputado, secretário da Cultura e da Educação  do Estado de São Paulo. Escreveu os livros: Os últimos soldados da Guerra Fria, Transamazônica, A Ilha, Olga, Chatô, O rei do Brasil, Cem quilos de ouro, Corações sujos, Toca dos Leões, Montenegro e O Mago (biografia do escritor Paulo Coelho, traduzido em dezenas de idiomas).

Paulo Coelho fala sobre a biografia escrita por Fernando Morais:

“Não sei qual será minha reação ao ler o que está escrito nessa biografia. Mas na capela que neste momento está diante do meu campo de visão existe uma frase escrita: ‘Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará’. No fundo, foi por esta razão que aceitei ter minha biografia escrita: para que eu pudesse descobrir outra face de mim mesmo. E isso me fará sentir mais livre.”

O livro ‘O Mago’ foi traduzido para várias línguas e obteve grande repercussão. Além dele, o livro ‘Olga’ também fez bastante sucesso pelo mundo – foi publicado em mais de 20 países e adaptado para filme em 2004, no qual foi indicado para representar o Brasil no Oscar de 2005.

Anúncios

+ Marcelo Duarte

Marcelo Duarte  Marcelo Duarte nasceu em São Paulo aos 31 de outubro de 1964.

É formado pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo e fundador da editora Panda Books.

Trabalha na ESPN Brasil, onde participa de programas como Loucos por Futebol.

Trabalhou nas Olimpíadas de Pequim, em 2008, quando apresentou o quadro Pequim de A a Z, com curiosidades sobre Pequim e os jogos olímpicos.

Escreve todas as semanas a página Curiocidade, no Jornal da Tarde.

Obras: O Guia dos Curiosos, O Guia dos Curiosinhos: Super-herois, O Livro das Invenções, 1075 Endereços Curiosos de São Paulo, A Origem de Datas e Festas, A Arca dos Bichos, Almanaque das Bandeiras, Jogo Sujo, O Ladrão de Sorrisos e O Guia das Curiosas.

Ayrton Senna: uma lenda a toda velocidade; uma jornada interativa – Christopher Hilton

Localização do livro na estante: G927.9672 / S478h

Localização do livro na estante: G927.9672 / S478h
PISO 5 (Esquerda – Sala de Coleções Especiais)

Ayrton Senna – uma lenda a toda velocidade: uma jornada interativa traz ao leitor e também fã a biografia desse grande nome da história do automobilismo.  Ayrton Senna da Silva, mais conhecido como Ayrton Senna do Brasil na Fórmula 1 e Beco para os íntimos;  nascido em 21 de março de 1960 e faleceu no dia 1 de maio de 1994 durante o Grande Prêmio de San Marino de 1994, no Autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola (Itália). O livro traz toda história desde seu nascimento até a morte, com relevância para os anexos que contém dentro do livro como: certidão de batismo, uma detalhada carta ao amigo e gerente Armando Teixeira, convite especial para a entrega dos prêmios em Paris, depois do campeonato mundial em 1990, etc; trazem também relatos de amigos e familiares que conviveram com esse grande ídolo os fatos familiares vividos por Ayrton de como ele era por trás das corridas. O livro foi redigido por Christopher Hilton, e por curiosidade já é o sétimo livro que ele publica sobre Senna.

Saboreie alguns trechos:

“Você pode perguntar a dez pessoas que o conheceram e as dez pessoas irão confirmar que ele era humilde, simples, amistoso; era alguém em que você podia confiar” Alfredo Popesco, amigo de infância. (pg.13)

“Senna tinha um enigma a seu redor. As pessoas como ele são pessoas normais, mas têm algo a mais. Elas têm um determinado olhar, sabem o que estão fazendo. É a mesma coisa com com Michel Schumacher.Os dois eram calmos. Passavam um ar de confiança às pessoas que trabalhavam com eles.” Nigel Stepney

“Entre os parentes e amigos, ele era simplesmente Beco, o garoto que sonhara pilotar um carro de F-1, mas que também preferia a intimidade do lar à agitada vida noturna do mundo das corridas” (pag.127).

Ouça aqui Ayrton Senna: uma lenda a toda velocidade; uma jornada interativa